Terapia de acupressão no tratamento da tireoide


A terapia de acupressão é uma prática de cura muito eficaz e pode desempenhar um papel vital no tratamento da tireoide – glândula endócrina localizada no pescoço.

Como toda glândula, seus hormônios afetam diretamente nosso metabolismo e são responsáveis pela regulação de várias funções do corpo, como, por exemplo a geração de energia pelas mitocôndrias. Assim, seu desequilíbrio pode causar diversos problemas de saúde, entre eles o aumento de peso, estresse, ansiedade, cansaço, perda de cabelo, alteração da concentração de cálcio nos ossos.

Quando o funcionamento da tireoide se encontra alterado, a glândula pode funcionar de forma exagerada – hipertireoidismo – ou pode estar funcionando pouco – hipotireoidismo.

O hipertireoidismo pode causar sintomas de agitação, nervosismo, dificuldade na concentração, aumentar o apetite e dificuldade para ganhar peso; no hipotireoidismo os sintomas principais são cansaço, perda de memória, facilidade para engordar e queda de cabelo. Outro sintoma apresentado é desconforto na garganta e no pescoço.

Para saber mais sobre acupressão, leia o post:
– Acupressão – Opção de tratamento alternativo

A acupressão para o tratamento da tireoide
Realizando um tratamento com acupressão, o paciente pode detectar – também pode curar – problemas de tireoide.

O tratamento consiste em pressionar e massagear determinados pontos do corpo para melhorar o fluxo de energia, trazendo equilíbrio para a glândula tireoide.

Uma área importante da acupressão está na região ocular, local onde se estimula a função da glândula pituitária.
Trabalhar a região peitoral, além de ser benéfica para resolver problemas de tireoide, pode contribuir para diminuir dores nas costas, na garganta e no peito, além de aliviar problemas respiratórios.

Outro ponto importante para acupressão está localizado na parte de trás do pescoço – acima da vértebra – onde uma colisão é formada quando movimentamos a cabeça.

Leia também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *